Incêndio em hotel-cassino no Camboja deixa ao menos 19 mortos

 Incêndio em hotel-cassino no Camboja deixa ao menos 19 mortos

Incêndio no hotel-cassino Grand Diamond City em Poipet em 29 de dezembro de 2022, no Camboja. Ao menos 10 pessoas morreram. – (Foto: AFP)

Ao menos 19 pessoas morreram em um grande incêndio em um hotel-cassino na cidade cambojana de Poipet, mas as autoridades temem um balanço de óbitos muito maior.

O incêndio no hotel-cassino Grand Diamond City, na fronteira do Camboja com a Tailândia, começou na noite de quarta-feira (28), segundo a polícia local.

“Há 19 mortos no momento, mas o total de falecidos pode ser maior”, declarou à AFP Sek Sokhom, secretário de Comunicação da província cambojana de Banteay Mean Chey. O balanço anterior registrava 10 mortes.

Um voluntário tailandês do grupo de resgate Ruamkatanyu Foundation afirmou que sua equipe chegou ao local às 2H00 locais.

As imagens obtidas pela AFP mostram o enorme complexo de lazer completamente dominado pelas chamas.

Em alguns vídeos é possível observar pessoas pulando do edifício para escapar do fogo.

As autoridades tailandesas na província vizinha de Sa Kaeo informaram que 50 vítimas foram hospitalizadas na localidade.

Prapas Pookduang, secretário de Saúde da província tailandesa, disse à AFP que 13 pessoas estavam em sistemas de “respiração assistida”.

O governador de Sa Kaeo, Parinya Phothisat, informou que quase 60 pessoas resgatadas do incêndio foram examinadas e liberadas dos hospitais da Tailândia.

De acordo com a polícia do Camboja, quase 400 pessoas trabalhavam no Grand Diamond City no momento do incêndio.

A imprensa local reportou que vários estrangeiros estavam no cassino.

Uma fonte do ministério das Relações Exteriores da Tailândia afirmou que o país está trabalhando em coordenação com as autoridades do Camboja na transferência de feridos a Sa Kaeo e para o envio de caminhões de bombeiros.

O governador Parinya declarou que os hospitais do país atenderam 79 tailandeses, 30 cambojanos e oito indonésios.

Um voluntário do grupo de resgate tailandês Ruamkatanyu Foundation disse que o incêndio começou no primeiro andar, mas que as chamas se propagaram rapidamente devido ao carpete altamente inflamável do edifício.

Hotéis e cassinos

O Camboja é um dos países mais pobres do Sudeste Asiático e seus moradores são proibidos de apostar nos cassinos.

O Grand Diamond City é um dos vários hotéis com cassino situados ao longo da fronteira entre Camboja e Tailândia.

Poipet é um famoso destino de férias para viajantes do reino vizinho, onde a maioria das apostas é proibida.

Este foi o terceiro incêndio de grandes proporções nos últimos meses em locais de entretenimento na região.

Em agosto, um incêndio destruiu uma discoteca da Tailândia e matou 26 pessoas. Em setembro, as chamas em um bar de karaokê no sul do Vietnã provocaram 32 vítimas fatais.

A falta de fiscalização das normas de segurança na região é motivo de preocupação, em particular em bares, discotecas e outros locais de diversão.

Um grande incêndio em uma festa de fim de ano em 2009 no clube Santika de Bangcoc terminou com 67 mortos e mais de 200 feridos.

O proprietário de Santika passou três anos preso após o incêndio, que começou quando fogos de artifício foram disparados enquanto uma banda de rock tocava no palco.

Digiqole Ad Digiqole Ad

Notícias relacionadas