Nos siga nas redes sociais

Policial

Bebê abandonada em Tamandaré está em estado grave e aguarda vaga em uma UTI

Publicado

em

A recém-nascida abandonada dentro de um saco plástico em um terreno baldio em Tamandaré, no Litoral Sul de Pernambuco, está em estado grave e intubada e aguarda vaga em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) desde a sexta (1ª), informou a Secretaria Estadual de Saúde (SES), nesta segunda-feira (4).

A menina está internada desde quinta-feira (30) no Hospital Regional de Palmares, também na Mata Sul, mesmo dia em que foi encontrada. Incialmente, ela havia sido socorrida para a Unidade Mista de Saúde José Múcio Monteiro, em Tamandaré, mas, como não há incubadora na unidade municipal, foi levada ao hospital regional.

Por meio de nota divulgada pela SES, a direção do Hospital Regional de Palmares afirmou que a recém-nascida “está recebendo todo o suporte da equipe multiprofissional do serviço, desde sua admissão” e que a menina “segue internada e em uso de ventilação mecânica”.

A SES também informou que, assim que uma vaga em leito de terapia intensiva for visualizada pela Central de Regulação de Leitos do Estado, a recém-nascida será transferida. “A unidade reforça ainda que o processo junto a Central de Regulação é extremamente dinâmico e que se renova diariamente”, disse a SES.

De acordo com a prefeitura de Tamandaré, a criança ainda estava com o cordão umbilical ligado à placenta quando foi achada por moradores. Quando chegou ao primeiro hospital, ela estava bastante debilitada. A mãe da bebê ainda não foi identificada.

O caso está sendo acompanhado pelo Conselho Tutelar de Tamandaré e foi encaminhado à Justiça, que deve decidir se a criança seguirá para adoção ou se será entregue a alguém da família, caso a mãe seja identificada.

“Os pacientes que estão aguardando momentaneamente a transferência para leitos de UTI são assistidos em unidades de saúde que contam com estrutura de salas de estabilização, inclusive com respiradores, como no caso relatado, além de equipe para este tipo de suporte”, afirmou a Secretaria Estadual de Saúde, por meio de nota.

Sistema de Comunicação de Pernambuco

Copyright © 2021 PE News. Desenvolvido por avanzzada

Grupo Remop