Lafepe adota gás natural da Copergás, economizando milhões em energia

Instalação de rede de gás natural representa ganho significativo em eficiência energética para o laboratório farmacêutico.
 Lafepe adota gás natural da Copergás, economizando milhões em energia

Foto: Divulgação

Alinhada com a estratégia da gestão da governadora Raquel Lyra que prioriza a eficiência energética, a Companhia Pernambucana de Gás – Copergás instalou rede de gás natural para abastecer a produção do Laboratório Farmacêutico do Estado de Pernambuco – Lafepe. O combustível já está sendo utilizado na geração de vapor no parque industrial em Dois Irmãos, abrangendo as unidades de Divisões de Sólidos I e II. O consumo por mês do gás natural será de aproximadamente de 16.500 m3.

A redução em gastos de energia será de aproximadamente 43%, gerando uma economia de cerca de R$ 100 mil por mês, chegando a R$ 1,2 milhão por ano. O investimento para a conversão da energia foi de R$ 700 mil por parte do Lafepe, que será recompensado em 16 meses com a redução de custos.

“Por sermos empresas públicas estaduais, precisamos dar exemplo, estar na vanguarda das matrizes energéticas sustentáveis e sermos capazes de fazer mais com menos recursos e custos operacionais. Ao adotar o gás natural, o Lafepe economiza recursos importantes que poderão ser revertidos em novos investimentos”, afirma o presidente do Lafepe, Plínio Pimentel.

O secretário de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco, Guilherme Cavalcanti, ressalta que o governo está ampliando a malha de gás natural nas indústrias instaladas no Estado. “Garanhuns, Petrolina e Araripina são municípios em que a Copergás está expandindo o serviço de instalação de gás natural que é um combustível menos poluente, compactuando com a política de descarbonização estadual e eficiência energética”, acrescenta o secretário.

A parceria da Copergás com o Lafepe fortalece a ação de entidades públicas do governo do Estado, trazendo mais benefícios para os pernambucanos e aplicando a renovação da matriz energética, mais eficiente e moderna e menos poluente”, destaca o presidente da Copergás, Felipe Valença.

Futuramente, o Lafepe pretende ampliar o uso do gás natural para outros setores do parque industrial como no backup de geração de energia elétrica e no refeitório. Até então, o laboratório utilizava o óleo BPF na geração de vapor. Por mês, eram queimadas aproximadamente 16,8 toneladas/mês de óleo e, agora, passou a adotar uma fonte de energia extremamente limpa e sustentável.

Digiqole Ad Digiqole Ad

Notícias relacionadas

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *