Nazaré da Mata cancela realização do carnaval, shows e outras apresentações culturais, em razão do aumento nos casos de Covid-19 e gripe

 Nazaré da Mata cancela realização do carnaval, shows e outras apresentações culturais, em razão do aumento nos casos de Covid-19 e gripe

Um decreto da Prefeitura de Nazaré da Mata, na Zona da Mata Norte, proíbe, a partir desta terça-feira, 18 de janeiro, a realização do carnaval e de eventos como shows, serestas e similares, bailes, troças carnavalescas, blocos de rua e apresentações culturais. A medida inclui o encontro de maracatus rurais, realizado anualmente com centenas de grupos da região.

A medida é válida até o dia 18 de março. Segundo a prefeitura, a decisão foi tomada em virtude da disseminação da Covid-19 e também da alta nos casos de influenza H3N2, além da predominância da variante ômicron no estado, “sendo necessária a adoção temporária de medidas adicionais de reforço à segurança sanitária voltadas para proteger a população”.

Foto: Divulgação

O governo de Pernambuco também mudou na última sexta (14), as regras de convivência com a Covid-19, reduziu o público em shows e ampliou a cobrança de ‘passaporte vacinal’ e testes por causa da epidemia de influenza e pandemia do coronavírus.

O carnaval de rua de 2022 também foi suspenso por tempo indeterminado no Recife. Foi divulgado, ainda, o cancelamento do carnaval de Olinda. Jaboatão dos Guararapes também anunciou que não vai ter festa em áreas públicas neste ano. Outros municípios como Paulista, Bezerros e Garanhuns também cancelaram a festa deste ano.

Carnaval fora de época no Recife

O prefeito do Recife, João Campos (PSB), voltou a falar sobre o desejo de fazer os festejos carnavalescos ainda este ano, mas em data ainda incerta. João também falou sobre os detalhes do auxílio de Carnaval, no Forte das Cinco Pontas.

“A gente não cancelou o Carnaval, como outras cidades. A gente suspendeu. Já temos toda a infraestrutura pronta e contratada. Pode ser em maio, em junho, em agosto, em setembro, vamos ver o melhor cenário para a realização. Temos que manter a chama acesa. vamos sair mais fortes e o Carnaval é uma marca de nossa cidade”, afirmou.

Com informações do G1PE

Digiqole Ad Digiqole Ad

Notícias relacionadas