Para Raquel Lyra, extrema pobreza no Grande Recife “é, infelizmente, o Pernambuco real”

 Para Raquel Lyra, extrema pobreza no Grande Recife “é, infelizmente, o Pernambuco real”

A população da Região Metropolitana do Recife tem a terceira pior renda entre as metrópoles do Brasil: R$ 831,66, segundo levantamento do Boletim Desigualdade das Metrópoles que aponta que a renda é 40% menor que a média nacional de R$ 1.378,35.

“A pesquisa escancara o que vemos nas ruas das nossas cidades, a fragilidade das políticas públicas estaduais, tanto na geração de oportunidades pela via da economia quanto da rede de proteção social”, destaca Raquel. “É, infelizmente, o Pernambuco real. Precisamos resgatar o estado para que ele cumpra a sua razão de ser, cuidar da nossa gente”, complementa a pré-candidata.

A capital pernambucana ocupa o segundo maior percentual do país. No Recife, 39,8% da população vive em domicílios com rendimento per capita de até ¼ do salário mínimo.

*LITORAL NORTE* – Raquel Lyra cumpre agenda no Litoral Norte neste final de semana. A programação começa nesta sexta, 09, com visita à lideranças políticas em Itamaracá, seguida, às 19h, de um encontro com Mulheres no Hotel Orange, liderado pela prefeita de Igarassu, Professora Elcione Ramos.

Digiqole Ad Digiqole Ad

Notícias relacionadas

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *