Prefeitura de Bezerros decide cancelar o Carnaval 2022 por causa da pandemia de Covid-19 e estuda auxílio aos artistas do município; veja detalhes

 Prefeitura de Bezerros decide cancelar o Carnaval 2022 por causa da pandemia de Covid-19 e estuda auxílio aos artistas do município; veja detalhes

prefeitura de Bezerros, no Agreste de Pernambuco, cancelou o Carnaval 2022. A informação passada pela gestão é de que foi realizada uma pesquisa junto aos moradores. Com o resultado deste levantamento, a Prefeitura decidiu cancelar definitivamente a festa de Momo para não piorar a situação da pandemia.

De acordo com informações do G1, a gestão municipal está planejando uma forma de ajudar músicos e artesãos do município.

O Carnaval do Papangu foi realizado pela última vez em 2020. A expectativa era de que a festa voltasse a animar as ruas de Bezerros neste ano. Além de ajudar os músicos e artesãos, a prefeitura também pretende realizar atividades culturais durante o período para não deixar passar em branco a tradição local.

“A decisão foi tomada e é tomada sempre em conjunto, ouvindo a população. E a população tem se mostrado, quase que em sua totalidade, com muito receio e muito medo de ir à rua no carnaval, quando a pandemia continua com números expressivos”, disse o secretário de Turismo e Cultura de Bezerros, Vandiael Laurentino.

A prefeita da Terra dos Papangus, Lucielle Laurentino (DEM),  informou que está dialogando com os setores envolvidos nas festividades de carnaval, como artesãos, músicos, empresários e comerciantes para construir alternativas sobre um dos mais importantes eventos do município.

“Estamos fazendo movimentação que escuta as pessoas que têm no Carnaval sua fonte de recursos econômicos, a gente sabe o quanto impacta economicamente a nossa região”, explicou.

Carpina 

A cidade de Carpina, na Zona da Mata Norte de Pernambuco, anunciou ainda em novembro do ano passado que não iria realizar a festa de Carnaval em 2022. A informação foi publicada na rede social do prefeito da cidade, Manuel Botafogo. A cidade é a primeira de Pernambuco a anunciar a não realização do evento, segundo informou a Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe).

Digiqole Ad Digiqole Ad

Notícias relacionadas