Recife se Rende ao Ritmo do In-Edit Brasil: Festival Internacional do Documentário Musical Chega Pela Primeira Vez à Cidade

De 22 a 30 de novembro, o Cinema da Fundação Derby e o Teatro Fernando Santa Cruz serão palco para noites de música e cinema, com entrada gratuita. Destaque para o documentário pernambucano "Frevo Michiles" na sessão de abertura.
 Recife se Rende ao Ritmo do In-Edit Brasil: Festival Internacional do Documentário Musical Chega Pela Primeira Vez à Cidade

Michiles – Foto: Divulgação

Recife se prepara para uma experiência única com a estreia do renomado In-Edit Brasil, Festival Internacional do Documentário Musical. Entre os dias 22 e 30 de novembro, o Cinema da Fundação Derby e o Teatro Fernando Santa Cruz serão palcos para uma celebração da música e da cultura, com entradas gratuitas em todas as sessões, shows e conversas.

O diretor artístico do In-Edit Brasil, Marcelo Aliche, compartilha sua empolgação: “Trazer o In-Edit para o Recife é um sonho antigo. A força do cinema e da música em Pernambuco é gigantesca. Gera um ambiente criativo e efervescente que tem tudo a ver com o festival. Espero que essa seja só a primeira de muitas edições por aqui!

O destaque da sessão de abertura será o documentário pernambucano “Frevo Michiles“, dirigido por Helder Lopes e premiado no Cine PE 2023. O filme homenageia Jota Michiles, uma figura ímpar no cenário do frevo pernambucano, reverenciado por artistas renomados. A sessão de abertura é gratuita, e os ingressos serão distribuídos uma hora antes do evento.

A programação do festival abrange uma variedade de títulos nacionais e internacionais, destacando-se histórias de ícones como Elis Regina, Tom Jobim, Miúcha, Fausto Fawcett, Lupicínio Rodrigues, CAN, Syd Barrett e Pink Floyd, Moa do Katendê, a cantora cubana Omara Portuondo, e a gravadora independente Elephant 6.

Além das projeções, o In-Edit Brasil proporciona conversas com diretores e diretoras de alguns filmes. O evento inicia com a diretora Jorane Castro apresentando o premiado “Terruá Pará“. Em seguida, as diretoras Mannu Costa e Carol Correia debatem sobre o documentário “Sua Majestade, o Passinho“, que destaca o impacto do ritmo “passinho dos maloka” na vida dos jovens periféricos do Recife.

A mostra ainda inclui a exibição de “Reggae Resistência”, seguida por uma conversa com os realizadores Cecília Amado e Pablo Oliveira. O documentário “Mostra Reverbo“, que aborda o coletivo de compositores de Pernambuco, será sucedido por uma conversa com membros da equipe do filme e convidados.

O encerramento do festival, no dia 30 de novembro, no Teatro Fundação Santa Cruz, traz a exibição de “Manguebit“, de Jura Capela, vencedor do 14º In-Edit Brasil. A sessão será seguida por um show da banda Joia Rara, com participações especiais de Rogerman e Cannibal.

O In-Edit Brasil 2023 – Edição RECIFE conta com o patrocínio máster da Colombo Agroindústria e patrocínio do Itaú Unibanco, realizados através da Lei Rouanet; apoio da FUNDAJ – Fundação Joaquim Nabuco e Cinema da Fundação Derby. A realização é da In Brasil Produção Cultural e do Governo Federal, através do Ministério da Cultura.

SERVIÇO

In-Edit Brasil – 15º Festival Internacional do Documentário Musical

Edição RECIFE

Data: de 22 a 30 de novembro

Cinema da Fundação Derby – Rua Henrique Dias, 609 – Derby, Recife – PE.

Teatro Fernando Santa Cruz – Av Dr Joaquim Nabuco – Varadouro, Olinda – PE.

Entrada Gratuita

www.in-edit-brasil.com  |  @ineditbrasil

PROGRAMAÇÃO _ IN-EDIT RECIFE (PE)

22 DE NOVEMBRO, QUARTA

Teatro Fernando Santa Cruz

20H – FREVO MICHILES (84′)

* Sessão de abertura, apresentada pelo diretor Helder Lopes.

21H30 – Show da Orquestra de Bolso, com participação do cantor Juba.

* O show acontecerá no Som da Rural, ao lado do Mercado Cultural, no Barrio.

23 DE NOVEMBRO, QUINTA

Cinema da Fundação Derby

16H – LA DANZA DE LOS MIRLOS (85′)

18H – FOMADOU KONATE – THE KING OF THE DJEMBE (78′)

20H – HAVE YOU GOT IT YET? THE STORY OF SYD BARRET AND PINK FLOYD (94′)

24 DE NOVEMBRO, SEXTA

Cinema da Fundação Derby

16H – SONIC FANTASY (95′)

18H – MIÚCHA, A VOZ DA BOSSA NOVA (98′)

20H – TERRUÁ PARÁ (100′) *

* Sessão apresentada pela diretora Jorane de Castro.

* Após a sessão, DJ Session “Terruá Pará”, com o DJ Ari Falcão, no Café do saguão.

25 DE NOVEMBRO, SÁBADO

Cinema da Fundação Derby

14H30 – SUA MAJESTADE, O PASSINHO (22′) *

16H – DE VOCÊ FIZ MEU SAMBA (72′)

18H – OMARA (77′)

20H – ELIS & TOM, SÓ TINHA DE SER COM VOCÊ (100′)

* Sessão seguida de bate-papo com as diretoras Mannu Costa e Carol Correia.

26 DE NOVEMBRO, DOMINGO

Cinema da Fundação Derby

14H30 – VILLA-LOBOS EM PARIS (60′)

16H – REGGAE RESISTÊNCIA (60′) *

18H – CAN AND ME (90′)

20H – CARMINE ST GUITARS (80′)

* Sessão seguida de bate-papo com os diretores Cecilia Amado e Pablo Oliveira.

28 DE NOVEMBRO, TERÇA

Cinema da Fundação Derby

16H – MOA – RAIZ AFRO MÃE (100′)

18H – LUPICÍNIO RODRIGUES – CONFISSÕES DE UM SOFREDOR

20H – PEIXE ABISSAL (110′)

29 DE NOVEMBRO, QUARTA

Cinema da Fundação Derby

16H – THE ELEPHANT 6 RECORDING CO (93′)

18H – MOSTRA REVERBO (60′) *

20H – FAUSTO FAWCETT NA CABEÇA (103′)

* Sessão seguida de bate-papo com equipe de produção e convidados.

30 DE NOVEMBRO, QUINTA

Teatro  Fernando Santa Cruz

20H – MANGUEBIT (100′)

Sessão de encerramento, apresentada pelo diretor Jura Capela.

22H – Show da banda Joia Rara, com participação de Cannibal e Rogerman.

* O show acontecerá no Som da Rural, ao lado do Mercado Cultural, no Barrio.

Digiqole Ad Digiqole Ad

Notícias relacionadas

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *