Violência: Estudante de 20 anos morre após ser atingido por tiros, em Nazaré da Mata

 Violência: Estudante de 20 anos morre após ser atingido por tiros, em Nazaré da Mata

Um jovem de 20 anos foi baleado no Loteamento Eugênio Bandeira, em Nazaré da Mata, na Zona da Mata de Pernambuco, e morreu em um hospital no Recife. Ele foi identificado como Daniel José da Silva. Duas pessoas que estavam com ele no momento do crime ficaram feridas.

Segundo a Polícia Militar (PM), o local onde o assassinato aconteceu fica próximo a uma cadeia pública. O homicídio ocorreu na noite do domingo (19) e foi confirmado nesta terça-feira (21). A Polícia Civil informou que o jovem estava acompanhado de dois conhecidos quando foi morto.

Daniel foi socorrido para o Hospital Ermírio Coutinho, localizado no Centro de Nazaré da Mata, e foi transferido para o Hospital da Restauração, na área central do Recife, onde faleceu na segunda-feira (20).

Com relação aos dois feridos que estavam com Daniel, um deles foi levado por policiais ao Hospital Ermírio Coutinho. O outro atingido foi ao local “através de meios próprios”, disse a PM. A reportagem não conseguiu acesso ao estado de saúde deles porque os nomes dos pacientes não foram divulgados.

De acordo com o diretor da Escola Dom Carlos Coelho, José Pereira de Araújo, Daniel estudava no terceiro ano do ensino médio e era um rapaz tranquilo e participativo nas atividades da unidade escolar.

“Ele não tem histórico de nenhum ato ilícito. Era sempre presente na escola, prestativo e humilde. Não tinha envolvimento com droga […] Às vezes, tinham serviços de eventos da escola que eu precisava de alguém para ajudar e ele sempre se disponibilizava”, contou.

Por meio de uma postagem em uma rede social, a escola lamentou a morte do aluno e afirmou que transmite “os mais sinceros sentimentos aos familiares, amigos e toda a turma do 3° ano D”, da qual Daniel fazia parte.

A PM informou que fez buscas no local do assassinato ainda na data do crime, mas não encontrou suspeitos do homicídio. A Polícia Civil informou que abriu um inquérito para apurar o caso e identificar quem atirou nas vítimas. A investigação ficou a cargo da Delegacia do Espinheiro, na Zona Norte do Recife.

Digiqole Ad Digiqole Ad

Notícias relacionadas

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *