Nos siga nas redes sociais

Coluna é Isso

Fake News: vamos combater esse vírus social

Publicado

em

A cada dia vivenciamos a importância da comunicação em nossas vidas, seja em nosso meio pessoal, profissional e social. Mas, infelizmente só em situações difíceis como essa em relação ao Coronavírus é que muitas pessoas percebem o valor de uma responsável e verdadeira comunicação, de uma informação segura. Afirmo isso porque a cada dia cresce no mundo virtual um terrível vírus social, é assim mesmo que denominei a “FAKE NEWS”, ou seja, a informação falsa.

Por onde esse tipo negativo de comunicação passa só planta destruição e a regressão de forma avassaladora o relacionamento e o desenvolvimento humano e social. Neste tempo triste de avanço do Coronavirus, diariamente presencio inquietação e até mesmo o desespero de pessoas devido a notícias falsas em relação ao número de infectados, óbitos, remédios de combate ou prevenção ao vírus. Um absurdo!

Pois bem, com o avanço da tecnologia, hoje temos todo tipo de informação na palma da mão. Através de dispositivos móveis e computadores, acessamos notícias, redes sociais, endereços e muito mais, de qualquer lugar. Temos acesso a qualquer informação que desejarmos com apenas alguns cliques. Segundo o We Are Social e o Hootsuite já existem mais 4 bilhões de pessoas utilizando a internet

Parece muito fácil e prático, certo? Mais ou menos. Como tudo que evolui muito rapidamente, a tecnologia ainda não consegue impedir alguns problemas causados por essa disseminação de informações. E, justamente um deles é a terrível Fake News.

De acordo com cientistas de dados do MIT (Massachusetts Institute of Technology), os efeitos causados pelas fake news de política são mais virais do que qualquer outra categoria, mas elas também se aplicam a histórias sobre lendas urbanas, negócios, terrorismo, ciência, entretenimento e desastres naturais. O aumento dos conteúdos fake afeta a sociedade inteira, tanto indivíduos como também os veículos, marcas e empresas que se comunicam com seus clientes e muitas vezes são alvos desse tipo de notícia.

E como combater este mal do século 21? A educação virtual é uma arma importante para detectar informações falsas e essa “alfabetização” deve contar com esforços de vários setores da sociedade. Por isso, chequem sempre a fonte da comunição, pesquisem a fundo, não leia só o título, verifiquem o autor, tomem cuidado com o sensacionalismo e observem a data da publicação. É isso!


Dany Amorim Jornalista: Dany Amorim- jornalista, coach e sócia da Espalha Comunicação

@danyamorimoficial
@espalhacomunicacao

Continue Reading
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *