Fávaro e Alckmin Reforçam Vínculos Comerciais em Encontro com Vice-Presidente da China

Reunião destaca oportunidades para os setores de proteína animal e vegetal na relação Brasil-China.
 Fávaro e Alckmin Reforçam Vínculos Comerciais em Encontro com Vice-Presidente da China

Foto: Divulgação

Em uma iniciativa para fortalecer os laços comerciais entre Brasil e China, o vice-presidente e ministro do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Indústria, Geraldo Alckmin, e o ministro da Agricultura e Pecuária, Carlos Fávaro, se reuniram nesta última quarta-feira (20) com o vice-presidente chinês, Han Zheng. O encontro visa aprimorar as relações entre os dois países e explorar novas oportunidades de comercialização, com foco especial nos setores de proteína animal e vegetal.

A reunião contou com a presença da equipe técnica do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e abordou temas cruciais para a cooperação bilateral. Dentre eles, destacam-se as possibilidades de expansão no setor de proteína animal e vegetal, bem como as discussões relacionadas à auditoria realizada por uma missão chinesa em plantas brasileiras no início de dezembro.

A China continua a ser o principal parceiro comercial do Brasil, especialmente no campo do agronegócio. As vendas ao país asiático atingiram a marca de US$ 7,86 bilhões até novembro. A soja em grãos lidera as exportações, totalizando 4,5 milhões de toneladas e US$ 2,39 bilhões em receitas.

Além da soja, outros cinco produtos brasileiros alcançaram registros de exportação superiores a US$ 100 milhões, evidenciando a diversificação nas transações bilaterais: milho (US$ 605,94 milhões), carne bovina in natura (US$ 505,59 milhões), algodão não cardado nem penteado (US$ 322,99 milhões), celulose (US$ 313,44 milhões) e açúcar de cana em bruto (US$ 290,33 milhões).

Geraldo Alckmin ressaltou a importância estratégica do Brasil como um dos principais produtores globais de alimentos. “Nosso país está no centro do debate da segurança alimentar, da segurança energética e do clima“, afirmou.

O encontro reforça o compromisso mútuo de ampliar e diversificar a parceria entre Brasil e China, consolidando o papel protagonista das nações na pauta global de comércio e agronegócio.

Digiqole Ad Digiqole Ad

Notícias relacionadas

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *