Governadora Raquel Lyra Celebra Aporte de R$ 61 Milhões para Programa Cisternas em Pernambuco, Reforçando Compromisso com o Desenvolvimento Sustentável

Em uma cerimônia realizada no Espaço Ciência, em Olinda, a governadora Raquel Lyra comemorou junto ao ministro Wellington Dias a destinação de R$ 61 milhões para a construção de cisternas em Pernambuco, parte de um investimento total de R$ 497 milhões anunciado pelo governo federal. O Programa Cisternas visa garantir acesso à água para consumo e produção, fortalecendo o compromisso do estado com a segurança alimentar e o desenvolvimento sustentável.
 Governadora Raquel Lyra Celebra Aporte de R$ 61 Milhões para Programa Cisternas em Pernambuco, Reforçando Compromisso com o Desenvolvimento Sustentável

Foto: Janaína Pepeu/Secom

Em um evento marcante realizado no Espaço Ciência, em Olinda, a governadora Raquel Lyra e o ministro Wellington Dias celebraram a alocação de recursos expressivos para o Programa Cisternas em Pernambuco. O ato simbólico, que marcou a retomada do programa, foi acompanhado pela destinação de R$ 61 milhões pelo governo federal para a construção de cisternas no estado, fazendo parte de um compromisso total de R$ 497 milhões anunciado pelo Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome.

A governadora destacou a urgência em fornecer infraestrutura adequada, especialmente em áreas rurais que ainda carecem de acesso à água. “O Programa Cisternas anuncia R$ 61 milhões para fazer cisternas de primeira água, barragens subterrâneas, que se somam a uma série de investimentos em execução no Estado, como a Adutora do Agreste“, ressaltou Raquel Lyra. Ela agradeceu ao ministro Wellington Dias e ao ex-presidente Lula pelas parcerias que têm impulsionado o desenvolvimento de Pernambuco.

Além do Programa Cisternas, a articulação da gestora estadual resultou em conquistas significativas nos últimos meses. Pernambuco assegurou R$ 300 milhões pelo Projeto Sertão Vivo, visando ampliar a produção agrícola familiar e proporcionar acesso à água a aproximadamente 75 mil famílias. No combate à fome, a entrega de Cozinhas Comunitárias em diversos municípios é parte da política estadual.

Durante o evento, o ministro Wellington Dias destacou a importância da retomada de parcerias para a execução de cisternas, ressaltando que a tecnologia social não apenas garante o consumo humano mas também impulsiona a produção. “Retomamos o programa liberando R$ 497 milhões em parceria com a Fundação Banco do Brasil e o BNDES, com o objetivo de alcançar mais de 61 mil novas cisternas para o Brasil“, afirmou.

Cícero Félix, membro da coordenação executiva da Articulação no Semiárido Brasileiro (ASA), comemorou o retorno da iniciativa, destacando que “a cisterna traz conhecimento, dignidade e independência“, representando a continuação da trajetória de conquista de liberdade para os povos brasileiros.

A solenidade contou com a presença de autoridades como a secretária nacional de Segurança Alimentar e Nutricional, Lilian Rahal, a secretária nacional da Agricultura Familiar e Agroecologia do Ministério do Desenvolvimento Agrário, Patricia Vasconcelos, os deputados estaduais Doriel Barros e Rosa Amorim, além de secretários estaduais e o presidente do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), Joaquim Neto.

Digiqole Ad Digiqole Ad

Notícias relacionadas

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *