Nos siga nas redes sociais

Cultura

Museu do Estado oferece curso on-line para entender a arte contemporânea

Publicado

em

Museu do Estado de Pernambuco (Mepe)

O Museu do Estado de Pernambuco (MEPE), em parceria com a Sociedade dos Amigos do Museu do Estado, promove, a partir da primeira segunda-feira de agosto, o curso on-line “Para entender a Arte Contemporânea”. As aulas serão ministradas pelo professor de filosofia e coordenador do Núcleo de Estudos em Ética e Política da UFPE, Filipe Campello, para dialogar e aprofundar-se na arte contemporânea e seus conceitos. Serão quatro encontros semanais durante um mês, que acontecerão virtualmente nos dias 09/08, 16/08, 23/08 e 30/08, através da plataforma Google Meet. O link será divulgado após a inscrição.

As inscrições já estão abertas no valor de R$ 250,00 e deverão ser feitas no link tiny.cc/cursoarte. O curso se propõe a receber o público, sem exigência de formação, vínculo universitário ou filiação a qualquer área de conhecimento específica. Os participantes que atingirem um mínimo de 75% de frequência no total das aulas ministradas poderão solicitar a emissão do certificado de conclusão de curso. As vagas são limitadas. Mais informações: mepe.sampe@gmail.com.

CONCEITOS – O que significa chamar algo de “arte”? Ou mesmo o que nos faz “ver” algo como arte? Ainda faz sentido falar em beleza na arte? Qual o papel da arte, se é que existe algum? Ou ainda: como é possível vender uma obra de arte invisível? Essas e outras questões serão abordadas durante as aulas. A proposta do curso é oferecer um panorama das principais questões contemporâneas em torno da arte. Mas, ao invés de tomar a filosofia como ponto de partida ou como discurso fechado, o curso se propõe a, inversamente, partir de exemplos da produção artística contemporânea para repensar o modo como tradicionalmente a filosofia tratou a arte.

“A arte contemporânea se tornou filosófica, reflexiva e conceitual, então é preciso conceituar-se para entender e qualificar o debate. O curso traz um pouco dessa mediação da experiência visual, procurando aproximar pessoas sem um vasto conhecimento de arte. É um convite à reflexão e à crítica do que significa a produção contemporânea em relação à estética e conceito”, analisou Filipe Campello, responsável pelo curso.

É importante lembrar que não precisa de conhecimento prévio, a proposta é democratizar o conhecimento e expandir esse universo integrando-se cada vez mais nas redes, estreitando o diálogo com o público.

“Quando voltei da Alemanha, percebi que havia uma demanda muito grande na cena pernambucana de basicamente as pessoas não terem acesso a esse tipo de conteúdo e resolvemos atuar neste âmbito com a proposta de fornecer acesso à essas informações. Em 2017, também em parceria com o MEPE e com apoio dos recursos do Funcultura, ministrei o Curso de Filosofia Contemporânea da Arte. Na época, tivemos mais de 400 inscrições, demonstrando que as pessoas têm interesse em consumir este tipo de conteúdo quando se tem acesso”, comentou Filipe.

CURRÍCULO – Filipe Campello é filósofo e professor da Universidade Federal de Pernambuco, coordenador do Núcleo de Estudos em Filosofia Política e Ética e bolsista de produtividade do CNPq. É doutor em Filosofia pela Universidade de Frankfurt (2013) e realizou pós-doutorado na The New School for Social Research (Nova York), tendo recebido o Fulbright Junior Faculty Member Award. É autor de “Die Natur der Sittlichkeit: Grundlagen einer Theorie der Institutionen nach Hegel” (Transcript, 2015) e co-autor de “Modernizações Ambivalentes” (Edufpe, 2016), dentre outros artigos que compreendem temas como teoria crítica, Hegel, teorias estéticas e críticas de arte. foi curador da exposição “antropocenas” (Museu do Estado de Pernambuco, 2020).

Curso: “Para Entender a Arte Contemporânea”
Ministrador: Filipe Campello
Quando: 9, 16, 23 e 30 de agosto
Plataforma: Google Meet
Valor da inscrição: R$ 250,00
Vagas: Limitadas

Sistema de Comunicação de Pernambuco

Copyright © 2021 PE News. Desenvolvido por avanzzada

Grupo Remop