Polícia prende suspeito de atear fogo em mulher que morreu em hospital no Recife

 Polícia prende suspeito de atear fogo em mulher que morreu em hospital no Recife

Homem de 34 anos foi preso nesta terça (28). Caso aconteceu em Abreu e Lima, no Grande Recife, em 8 de novembro, e vítima de 26 anos morreu no Hospital da Restauração na quinta (23).

Um homem de 34 anos suspeito de atear fogo na companheira de 26 anos, identificada pela polícia como Mirelly dos Santos Oliveira, foi preso nesta terça-feira (28). O caso aconteceu no bairro de Caetés II, em Abreu e Lima, na Região Metropolitana do Recife, na noite de 8 de novembro e resultou na morte da vítima, ocorrida na quinta-feira (23) no Hospital da Restauração (HR), localizado no bairro do Derby, na área central da capital pernambucana.

Mirelly estava internada na unidade de saúde desde às 23h de 8 de novembro. De acordo com o posto policial do HR, a vítima teve gasolina jogada no corpo e, em seguida, teve fogo ateado ao corpo. De acordo com a assessoria de comunicação do hospital, a morte foi causada em decorrência das complicações ocasionadas pelas queimaduras, que se espalharam pela face, pelo tórax e pelas pernas da mulher.

O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) enviou, no dia 9 de novembro, uma equipe ao Hospital da Restauração para começar as investigações. O delegado Abraão Didier divulgará detalhes da prisão do suspeito em uma coletiva de imprensa às 9h da quarta-feira (29), na área central do Recife.

EDIÇÃO: ROBSON OURO PRETO

Notícias relacionadas

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *